04
mar

Aprenda a fazer uma horta em casa

Nós somos apaixonadas pela vida urbana, mas sabemos que a vida em grandes cidades pode nos privar de alguns pequenos prazeres. Um deles é usufruir de uma horta caseira, com temperos prontos para serem colhidos direto do pé. Compilamos algumas dicas para que você consiga, com facilidade, cultivar suas mudinhas de verduras e legumes em casa, mesmo com espaço limitado.

Se você mora em uma casa com jardim, o ideal é construir canteiros com cerca de dois metros de comprimento por um metro de largura, e cercá-lo com tijolos ou pedras para ajudar a organizá-los. Já em locais pequenos, você pode utilizar desde pequenos vasos a jardineiras de cimento para construir a horta. O que define o sucesso da sua plantação é escolher as espécies adequadas para cada tipo de ambiente.

Exemplo que adoramos de como montar sua horta na varanda do apartamento ☺

1) Escolha as espécies que deseja plantar

Se você mora em um apartamento ou em uma casa com quintal pequeno, aproveite as dicas de espécies que se adaptam bem a ambientes desse tipo: agrião alface, almeirão, beterraba, capim-limão, cebolinha, cenoura, coentro, hortelã, manjericão, manjerona, orégano, rabanete, rúcula, salsinha e tomilho.

2) Escolha o local adequado

O primeiro passo para o sucesso da sua horta caseira é a escolha do lugar adequado para deixar seus vasos ou jardineiras. O ideal é que seja em um local plano ou com inclinação leve, que receba luz solar. Ambientes com muita sombra prejudicam o desenvolvimento dos vegetais. Em um apartamento, a área de serviço ou a varanda são os locais ideais.

3) Defina onde plantará cada espécie

A horta caseira permite que você cultive mais de um tipo de vegetal no mesmo vaso, desde que você tome alguns cuidados. Plante no máximo duas espécies semelhantes em cada vaso, como coentro e manjericão, por exemplo, a uma distância razoável entre uma e outra. Nossa dica de ouro aqui é deixar a hortelã em um vaso exclusivo. Essa planta é um pouco invasiva e pode competir com as outras espécies pelos nutrientes do solo.

4) Prepare o solo

Já garantimos a luz solar e definimos o que ficará em cada lugar. Agora precisamos tomar os devidos cuidados com a terra e com a água. Para facilitar a drenagem da água, escolha vasos com furos na parte de baixo (ou fure-os você mesmo). A sua horta precisará ser regada duas vezes por dia no verão e uma vez por dia durante o inverno – tome sempre cuidado para que ela não fique encharcada.

Em relação ao solo, o importante é construir um solo rico em matéria orgânica com nutrientes e pH neutro. Algumas terras já vêm adubadas, o que ajuda bastante para que a sua horta fique bastante vigorosa. Você pode aplicar também um condicionador de solo na terra.

5) Hora de plantar

Para plantar, não tem segredo: faça um buraco de mais ou menos 1 cm de profundidade na terra e coloque a muda ou semente. Cubra e aperte em volta para não deixar nenhum espaço com ar. Agora é só ter paciência, cuidado e esperar crescer!

6) Manutenção

Ao contrário do que alguns imaginam, cuidar da horta é muito fácil. O único compromisso imprescindível é regá-la diariamente. Quando as plantinhas começarem a morrer ou perderem o vigor, o ideal é recomeçar e plantar novas mudas.

Gostou das dicas? Aproveite o sol do verão e cultive a sua própria horta!

Ah, e vejam esse vídeo fofo que ensina como aproveitar as sobras da cozinha para criar mudas de vários vegetais:

Comentários

comentário